19 de maio

GDF - Administrações Regionais GDF - Administrações Regionais GDF - Administrações Regionais
Maria da Penha ONLINE Governo do Distrito Federal
22/02/23 às 14h26 - Atualizado em 22/02/23 às 14h27

Mutirão trabalha para amenizar impactos da chuva no Riacho Fundo II

COMPARTILHAR

Temporal causou diversos danos à cidade na tarde de sexta (18); em cinco horas de trabalho, mais de 40 servidores conseguiram normalizar a situação

Carolina Caraballo, da Agência Brasília | Edição: Chico Neto

Destelhamentos, queda de árvores, desabamento de muro, rompimento de rede elétrica. O temporal que atingiu o Riacho Fundo II na tarde de sexta-feira (18) causou diversos estragos na região. E exigiu resposta rápida do Governo do Distrito Federal (GDF) para amenizar os impactos da chuva. Foram cinco horas de trabalho ininterruptos para restabelecer a normalidade, tarefa cumprida com sucesso por mais de 40 servidores.

Árvores inteiras que caíram com a tempestade foram retiradas pelas equipes durante a ação conjunta | Foto: Divulgação/Ascom Riacho Fundo II

A tempestade, com ventos fortes e granizo, caiu sobre o Riacho Fundo II por volta das 12h30. “Meia hora depois, toda a nossa equipe já estava nas ruas – eram 30 pessoas, entre funcionários e reeducandos da Funap [Fundação de Amparo ao Trabalhador Preso]”, conta a administradora da região, Ana Maria da Silva. “Tivemos ainda o apoio da Neoenergia, do Corpo de Bombeiros e da Novacap”.

De acordo com cálculos do diretor de Obras da Administração do Riacho Fundo II, Geraldo Filho, cerca de 20 toneladas de galhadas foram recolhidas das ruas. “Todo esse material veio de árvores e troncos que caíram por conta da chuva; deu para encher cinco caminhões”, relata. “Também fizemos vistoria pelas ruas para checar se não havia nenhum detrito proveniente de construção civil obstruindo as vias públicas”.

Com o temporal, o cabeamento de energia da QN 7C se rompeu, deixando os moradores sem luz. “A Neoenergia consertou os cabos e, no final da tarde, a situação já estava normalizada”, afirma Geraldo. “Todo o serviço foi executado na presença dos bombeiros, que cuidaram para que ninguém sofresse um acidente no processo”. O mutirão de enfrentamento aos danos causados pela chuva encerrou os trabalhos às 17h.

 
Mapa do site Dúvidas frequentes