28 de janeiro

GDF - Administrações Regionais GDF - Administrações Regionais GDF - Administrações Regionais
14/12/21 às 14h55 - Atualizado em 14/12/21 às 15h06

BALANÇO 2019/2020 e 2021 – RIACHO FUNDO II (RA XXI)

COMPARTILHAR

A Administração Regional do Riacho Fundo II, preocupada com o resultado final à população, presta contas dos trabalhos realizados e dos avanços conquistados nos últimos 1.075 dias de gestão.


Em três anos de governo foram aplicados mais de 100 milhões em obras novas e antigas, no Riacho Fundo II. Entre as principais estão a conclusão da Unidade Básica de Saúde – UBS 5. Na obra, o GDF investiu mais de 8 milhões. Com o novo espaço, é possível alcançar até dez equipes de médicos e técnicos de saúde, o que permite um atendimento de 35 a 40 mil pessoas. 

Também foi entregue a população, uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA), com capacidade de 4 mil e quinhentos atendimentos por mês. O investimento do GDF foi de R$ 6 milhões e meio.

 

O governo tem investido em outras estruturas para a população do Riacho Fundo II e região. Uma das obras em andamento é a do viaduto que corta o Recanto das Emas e o Riacho Fundo II, Estimada em mais de 30 milhões e que beneficiará mais de 60 mil motoristas que trafegam pela região. 
 
Além vias marginais, a estrada Parque Contorno (DF 001), no trecho entre a BR 060 até o balão de entrada do Riacho Fundo II /Recanto da Emas também recebeu recapeamento asfáltico. 


Recentemente a população recebeu a Feira Permanente, esperada a mais de 10 anos pelos feirantes e moradores da cidade. A obra foi entregue pela gestão passada, com falhas na execução. 
Além das intervenções e correções necessárias, o espaço recebeu uma área de convivência e urbanização para melhor atender aos feirantes e aos consumidores.


A cidade também foi contemplada com um novo Centro Interescolar de Línguas. Com as novas instalações atende mais de 3 mil estudantes, nos três turnos, para inglês, espanhol e francês.
Além disso, nove escolas da rede pública de ensino do Riacho Fundo II passaram por reformas, para melhorar a infraestrutura oferecida aos estudantes. 


E o Centro de Ensino Fundamental (CEF 1), que atende mais de 2 mil estudantes do ensino fundamental e da Educação de Jovens e Adultos, e que foi uma das primeiras a receber o modelo de gestão compartilhada, foi contemplada com Instrumentos musicais, como flautas, surdos e clarinetes, entregues pela Secretaria de Segurança Pública aos alunos.


O Riacho Fundo II ainda recebeu o primeiro Centro de Atendimento ao Turista. O espaço chegou para mudar a história da cidade, que vem se preparando para ser um polo de desenvolvimento no DF.


A Administração, através da Secretaria de Esporte, avança com as obras de construção do primeiro complexo esportivo da cidade, localizado na QN 34. A obra irá ofertar à população múltiplos espaços voltados para o lazer, convivência familiar e prática de esportes. Com investimento do GDF foi de R$ 4 milhões e meio.

Foi dado início a regularização de mais de 150 mil imóveis no Riacho Fundo II. A ação faz parte do programa Regulariza DF, com investimento de mais de R$ 50 milhões.
Além do início das obras de implementação de infraestrutura básica na 3ª Etapa. Com investimento de mais de R$ 9 milhões, que possibilitará a construção de 3.033 unidades habitacionais no âmbito do programa Morar Bem, da Codhab.

Com tantos investimentos na infraestrutura da cidade, a Administração Regional chegou à marca de quase 2 mil ordens de serviço executadas a partir de demandas da população.
O que demonstra um bom retorno no atendimento às solicitações feitas via Ouvidoria do GDF.
Nos 3 anos de gestão, entre as ações mais solicitadas pelos moradores da região administrativa e atendidas pela administração, está o tapa-buracos com o uso de cerca de 444 toneladas de massa asfáltica para reparos nas ruas e avenidas. Além deste serviço, foram retiradas 8.023 toneladas de entulhos e inservíveis de toda a cidade. E quase 1109 bocas de lobo limpas e desobstruídas. Um trabalho diário com o apoio das equipes do Programa GDF Presente. 

• 500 metros de novas calçadas acessíveis e padronizadas foram construídas na Vila dos deficientes visuais. 
• Os acessos aos condomínios das quadras QN 31 a 33, na 4° etapa, foram contemplados com plantio de mais de 10 mil e oitocentos metros quadrados de grama.

• Pintura e revitalização da fachada da sede administrativa Regional;
• Revitalização do Restaurante Comunitário;
• Recuperação de mais 26 km de estradas rurais no Caub I e II e Granja Modelo;
• 139 quebra-molas construídos;
• Recomposição de mais de 275 mentros de meios-fios;
• Implantação de 34 novos abrigos de paradas de ônibus; Entre diversas outras ações de manutenção. 

Números comemorados pela atual gestão. “Estar próximo da comunidade, ouvir suas demandas, trabalhar em conjunto e trazer a solução para os problemas da cidade é fundamental para que tenhamos um Riacho melhor para todos”.

Mapa do site Dúvidas frequentes Comunicar erros