22 de outubro

GDF - Administrações Regionais GDF - Administrações Regionais GDF - Administrações Regionais
25/09/21 às 16h04 - Atualizado em 25/09/21 às 16h04

Turismo Cívico Pedagógico ganha força com exposição dos Dragões da Independência no Riacho Fundo II

COMPARTILHAR

Uniformes, capacetes, escudos, selas e outros itens da Guarda Presidencial Dragões da Independência serão apresentados para a comunidade encerrando o Setembro Cívico

Alunos do Educandário de Maria visitam a exposição dos Dragões da Independência, na Administração do Riacho Fundo II. Foto: Cláudio Gerber/Setur-DF

O turismo cívico pedagógico do Distrito Federal ganha força nas regiões administrativas do DF. Objetos da Guarda Presidencial Dragões da Independência ficarão expostos na Administração Regional do Riacho Fundo II até o próximo dia 30. “Dragões, Tradição e História” apresentam objetos, como uniformes, capacetes, escudos, selas e outros itens da Guarda Presidencial Dragões da Independência para a comunidade, de forma inédita, fora do Plano Piloto.

A ação só foi possível por meio de parceria entre a Secretaria de Turismo do DF, o 1º Regimento de Cavalaria de Guardas, vinculado ao Comando Militar do Planalto, e a Administração do Riacho Fundo II. A abertura aconteceu na tarde desta sexta-feira (24) e contou com a presença da secretária de Turismo, Vanessa Mendonça; da administradora do Riacho Fundo II, Ana Maria da Silva; do representante do 1º Regimento de Cavalaria de Guarda (RCG) e chefe da Sessão de Comunicação Social do Exército, tenente-coronel Glauco Soares Vieira; do representante do 2º Batalhão da PMDF, tenente Gilvan, e do comandante do 27º da PMDF. Estavam presentes ainda alunos da 5ª série do Centro de Ensino Lobo Guará e do Educandário de Maria. A cerimônia de abertura contou ainda com apresentação da Banda do 1º RCG, que tocou os hinos do Brasil e de Brasília, além de muitas músicas populares.

Secretária de Turismo do DF, Vanessa Mendonça, fala na abertura da exposição dos Dragões da Independência, na Administração do Riacho Fundo II. Foto: Cláudio Gerber/Setur-DF

A secretária Vanessa Mendonça destacou os Acordos de Cooperação Técnicas que foram assinados com as prefeituras de Cláudio (MG), Casimiro de Abreu e Vassouras (RJ), São Luiz (Ma), Pirenópolis (GO) e Recife (PE), para implementar o turismo cívico-pedagógico. A parceria vai permitir que alunos dessas cidades venham a Brasília conhecer monumentos e a história do Brasil, em complemento ao ensino da sala de aula.

“É importante que primeiramente os alunos do Distrito Federal tenham a oportunidade de conhecer elementos significativos da nossa história, como os Dragões da Independência, responsáveis pela guarda presidencial, e os nossos monumentos. O nosso governo trabalha integrado e sempre em busca de promover a melhoria na qualidade do ensino e das oportunidades que despertem o amor pela capital federal”, afirmou a secretária.

Patriotismo

Secretária de Turismo do DF, Vanessa Mendonça, a administradora do Riacho Fundo II, Ana Maria da Silva, na abertura da exposição dos Dragões da Independência, na Administração do Riacho Fundo II. Foto: Cláudio Gerber/Setur-DF

O tenente-coronel Glauco Vieira falou que da importância de levar a exposição “Dragões, Tradição e História” para as regiões administrativas como uma oportunidade de despertar nos alunos a admiração pelos símbolos nacionais. “Eu agradeço à Secretaria de Turismo e ao Governo do Distrito Federal, pela oportunidade de apresentarmos aqui a exposição do regimento que, diariamente, realiza treinamentos para a garantia da lei da ordem, e para a proteção das guardas palacianas. Este momento é muito importante para criarmos e desenvolvermos nas crianças o patriotismo de amarmos os símbolos nacionais, a nossa bandeira, o nosso hino que é de todos os brasileiros”, disse.

Secretária de Turismo do DF, Vanessa Mendonça, a administradora do Riacho Fundo II, Ana Maria da Silva, e o tenente-coronel Glauco Vieira na abertura da exposição dos Dragões da Independência, na Administração do Riacho Fundo II. Foto: Cláudio Gerber/Setur-DF

“É um momento único e esperado pela nossa comunidade. Aqui nunca aconteceu algo tão oportuno e importante para a nossa cidade e hoje podemos presentear aos nossos alunos essa exposição tão rica, que reafirma o nosso patriotismo”, falou a administradora Ana Maria da Silva.

Para a professora da 5ª série do Centro de Ensino Fundamental do Riacho Fundo II, Carollyne Dias de Araújo, este é um momento de valorização histórica e cultural para os alunos. “Muitos dos nossos alunos não têm a oportunidade de conhecer o centro de Brasília, o eixo monumental e as atrações da cidade. A exposição está trazendo peças históricas, uma banda do Exército e muitos nunca presenciaram isso antes, então, para eles, tudo isso é conhecimento e riqueza de informação de um conteúdo que se estende para a sala de aula. Quando trazemos a prática e a vivências para eles, tudo se torna incrível porque eles passam a ter, além da folha e da escuta, eles passam a ter a visão”, afirmou professora.

Alunos do Centro de Ensino Lobo Guará durante a abertura da exposição dos Dragões da Independência, na Administração do Riacho Fundo II. Foto: Cláudio Gerber/Setur-DF

A aluna do Educandário de Maria, M. F. S. S, disse, encantada, que é a primeira vez que tem a oportunidade de ver objetos do Exército Brasileiro. “Gostei de ver os capacetes com penas coloridas e as peças usadas pelos cavalos, e também gostei de ver os militares tocando a flauta e trompete. Quando eu crescer, quero ser veterinária, por isso eu gostei de ver o que os cavalos usam”, declarou.

Fanfarra do 1º RCG se apresenta na abertura da exposição dos Dragões da Independência, na Administração do Riacho Fundo II. Foto: Cláudio Gerber/Setur-DF

Antes de chegar ao Riacho Fundo II, a exposição ficou por dos dias 14 a 20 na Casa de Chá, na Praça dos Três Poderes e recebeu a visita de centenas de pessoas. A exposição estará aberta à visitação dos moradores e turistas, na sede da Administração Regional até o próximo dia 30, encerrando as celebrações do Setembro Cívico. Quem não teve a oportunidade, poderá conhecer a história da mais tradicional unidade de Cavalaria do Exército Brasileiro e a sua participação nos momentos históricos da nação.

Fonte: ASCOM Secretaria de Turismo

Mapa do site Dúvidas frequentes Comunicar erros